Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Martirios Atuais - D. Fernando Rifan


MARTÍRIOS ATUAIS
Dom Fernando Arêas Rifan*

“Felizes os perseguidos por causa da justiça!” (Mt 5, 10); “se me perseguiram, perseguirão a vós também”, já nos prevenira Jesus (Jo 15, 20). “Todos os que quiserem viver piedosamente no Cristo Jesus serão perseguidos” (2 Tm 3, 12), completa São Paulo.



Mas às vezes pensamos que isso era coisa do começo da Igreja ou dos séculos passados. Não! O martírio é algo inseparável da vida da Igreja.
 
Chocantes as notícias recentes dos jornais, relatando que mais de 40 peregrinos da JMJ pediram refúgio no Brasil por causa da perseguição religiosa que sofrem em seus países: “No corpo do serra-leonês A., de 24 anos, as cicatrizes revelam as marcas da intolerância. Aos 4 anos, ele viu o pai e a irmã mais velha serem assassinados pelos vizinhos por conta de sua opção religiosa: a família era católica... Quando fez 9 anos, A. foi levado à força... seu corpo foi perfurado com ganchos: ‘eu fiquei dias sangrando sem nenhum tipo de assistência’. O paquistanês Z... relata as privações sofridas por ele, os familiares e amigos em sua terra natal. Ele conta que o irmão teve que largar o emprego de vendedor... quando descobriram que era católico. Ele afirma ainda que já foi perseguido por autoridades locais e discriminado na busca por um emprego quando se declarou católico... Casas são invadidas, pessoas eram presas e não voltaram, ... afirmando que em março outros católicos, que praticavam a religião como ele, foram perseguidos e apreendidos” (O Globo, 23.8.2013, pág. 14).
 

 
“O sacerdote Hani Bakhoum Kiroulos, assistente do Patriarcado copto-católico na capital egípcia, fez um balanço de todos e cada um dos lugares atacados –mais de 30– pelos extremistas muçulmanos durante o massacre desta quarta-feira que cobrou (em total) a vida de mais de 520 pessoas e mais de 3700 feridos. Em Suez, um convento da Congregação do Bom Pastor, a escola adjacente e o hospital foram saqueados e incendiados. Uma igreja franciscana também foi atacada e incendiada. Na cidade de Minya, na zona nordeste do país, os extremistas muçulmanos atacaram a Igreja copta-católica Mar Guirguis, a igreja (também copta-católica) de São Marcos; e um convento e uma escola das irmãs de São José. Em Beni Souef, na zona central do norte, os extremistas atearam fogo ao convento franciscano do Imaculado Coração de Maria. Na localidade de Asyut na zona central do Egito, o ataque foi também à Igreja franciscana Santa Teresa e a um convento de irmãs franciscanas. Os extremistas muçulmanos também atacaram a Basílica de Nossa Senhora de Fátima no Cairo, apedrejaram e bateram nas portas, mas não conseguiram entrar. O Papa Francisco, reunido a milhares de Fiéis para a Missa e Ângelus da Festa da Assunção de Nossa Senhora, elevou uma oração pelas vítimas do massacre no Egito: ‘chegam infelizmente notícias dolorosas do Egito. Desejo assegurar minha oração por todas as vítimas e seus familiares. Pelos feridos e por quantos sofrem’. E acrescentou: ‘Oremos juntos pela paz, o diálogo, a reconciliação nessa querida terra e no mundo inteiro. Maria, Rainha da paz, rogai por nós’” (site da agência ACI 16/08/13). 

*Bispo da Administração Apostólica Pessoal São João Maria Vianney
http://domfernandorifan.blogspot.com.br/





Ler mais sobre  Hani Bakhoum Kiroulos

Nenhum comentário:

Pedidos de Oração